13 jun 2017 às 10:40 am

97 Prefeituras fecham acordos com o TJPB para pagar precatórios

O Tribunal de Justiça da Paraíba divulgou, na tarde desta segunda-feira (12), a lista dos municípios que realizaram acordos para o parcelamento das dívidas de precatórios referentes ao ano de 2016. De um total de 113 municípios intimados para as audiências, 97 realizaram acordos.

A oportunidade de parcelar o débito foi autorizada pela Presidência do TJPB, a fim de evitar o sequestro das contas das Edilidades em dívida. As audiências foram realizadas no período de 15 de maio a 1º de junho pelo juiz auxiliar da Presidência do Tribunal de Justiça, José Guedes Cavalcanti, responsável pelos precatórios.

O magistrado explicou, ainda, que o parcelamento do débito, em até 20 parcelas, começará a ser pago a partir de 30 de junho. “Esta medida vai permitir o pagamento das dívidas, de forma a não comprometer o orçamento e a administração municipal”, afirmou.

Assessoria

  • Confira os municípios que realizaram o acordo
  1.     Alagoa Grande
  2.     Aparecida
  3.     Araçagi
  4.     Arara
  5.     Araruna
  6.     Areia
  7.     Aroeiras
  8.     Assunção
  9.     Bananeiras
  10.     Barra de Santa Rosa
  11.     Barra de Santana
  12.     Belém
  13.     Boa Ventura
  14.     Bom Jesus
  15.     Bonito de Santa Fé
  16.     Boqueirão
  17.     Borborema
  18.     Brejo do Cruz
  19.     Cabaceiras
  20.     Cabedelo
  21.     Cachoeira dos Índios
  22.     Cacimba de Dentro
  23.     Caldas Brandão
  24.     Campina Grande
  25.     Campo de Santana
  26.     Carrapateira
  27.     Conceição
  28.     Coremas
  29.     Cruz do Espírito Santo
  30.     Emas
  31.     Esperança
  32.     Frei Martinho
  33.     Gado Bravo
  34.     Gurinhém
  35.     Gurjão
  36.     Ibiara
  37.     Igaracy
  38.     Itabaiana
  39.     Itapororoca
  40.     Jacaraú
  41.     Juazeirinho
  42.     Junco do Seridó
  43.     Juru
  44.     Lagoa de Dentro
  45.     Lagoa Seca
  46.     Lastro
  47.     Malta
  48.     Mamanguape
  49.     Marizópolis
  50.     Massaranduba
  51.     Monte Horebe
  52.     Mulungu
  53.     Nazarezinho
  54.     Nova Floresta
  55.     Nova Olinda
  56.     Nova Palmeira
  57.     Olho D’água
  58.     Ouro Velho
  59.     Passagem
  60.     Patos
  61.     Piancó
  62.     Pilar
  63.     Pilões
  64.     Pilõezinhos
  65.     Pocinhos
  66.     Poço de José de Moura
  67.     Prata
  68.     Princesa Isabel
  69.     Queimadas
  70.     Remígio
  71.     Riacho dos Cavalos
  72.     Salgadinho
  73.     Salgado de São Félix
  74.     Santa Cruz
  75.     Santa Helena
  76.     Santa Luzia
  77.     Santa Rita
  78.     São João do Rio do Peixe
  79.     São João do Tigre
  80.     São José de Lagoa Tapada
  81.     São José de Caiana
  82.     São José de Piranhas
  83.     São José de Sabugi
  84.     São Mamede
  85.     São Vicente do Seridó
  86.     Sapé
  87.     Serra da Raiz
  88.     Serra Grande
  89.     Serra Redonda
  90.     Serraria
  91.     Solânea
  92.     Soledade
  93.     Taperoá
  94.     Teixeira
  95.     Triunfo
  96.     Uiraúna
  97.     Umbuzeiro

Fonte:  COFEMAC

O que achou disso?