23 maio 2017 às 1:52 pm

Policiamento será reforçado no Fórum Criminal de João Pessoa

O policiamento nas dependências do Fórum Criminal “Ministro Oswaldo Trigueiro de Albuquerque Mello” (João Pessoa/PB) deverá ser intensificado, em breve. Em reunião realizada nesta segunda-feira (22), o diretor da unidade, juiz Adilson Fabrício Gomes Filho solicitou à Polícia Militar o aumento do efetivo de 15 para 25 policiais, a fim de garantir maior segurança ao trabalho realizado no local.

“Consideramos este aumento diante do elevado número de réus presos que são apresentados ao Fórum, para as audiências e sessões do Tribunal do Júri”, explicou o magistrado. A ideia foi bem recebida pelos membros da Corporação presentes na reunião. A resposta será dada até o final da semana corrente.

Outro ponto discutido com os militares foi a possibilidade de realizar, por meio de Malote Digital, a requisição de PM’s para testemunhar em processos. O sistema de malote Digital é utilizado em todo o Poder Judiciário e foi desenvolvido com a finalidade de possibilitar e agilizar comunicações recíprocas, oficiais e de mero expediente.

De acordo com o juiz Adilson Fabrício, os ofícios de requisição são entregues, atualmente, por oficiais de Justiça. “Por meio do malote, esta comunicação será mais célere e permitirá ao Comando Militar comunicar ao policial, com antecedência, sobre a necessidade de comparecimento ao Fórum. Isso evitará ausências e, consequentemente, adiamentos de audiências por este motivo”, disse.

Ainda na tarde desta segunda-feira, a Administração da PM e a Diretoria de tecnologia da informação do TJPB se reuniram para iniciar estudos sobre a viabilidade técnica de integração dos sistemas.

Estiveram presentes na reunião o coronel Jerônimo (corregedor da PM), coronel Araújo (Recursos Humanos), coronel Sena (Comandante do 1º Batalhão), coronel Josélio e Major Bisneto (Diretoria de Segurança do TJPB), tenente Sérgio e sargento Almeida.
Fonte: Osguedes.com.br

O que achou disso?