13 jun 2017 às 11:34 am

Prefeitura de Mossoró lança residencial para servidor público com preço de R$ 120 mil por unidade

A Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM) lançou nesta segunda-feira (12) o residencial Vilagge do Oeste, voltado exclusivamente para o servidor público municipal e o primeiro projeto do programa Morar Bem, que tem o objetivo de reduzir o déficit habitacional da cidade.

Durante apresentação do projeto, Carlos Henrique, diretor da empresa responsável pela obra do residencial, informou que o empreendimento vai ficar localizado no bairro Sumaré e que as obras já foram iniciadas, com previsão de entrega em 24 meses. O residencial vai contar com guarita, sistema de drenagem próprio, área de lazer, churrasqueira com espaço gourmet e é todo planejado para pessoas com deficiência.

Podem se inscrever no programa funcionários municipais, efetivos e comissionados, com renda familiar bruta entre R$ 1.600,00 e R$ 9.000,00. São 152 unidades habitacionais com valor inicial de R$ 120 mil e possibilidade de subsídio do programa Minha Casa Minha Vida de até R$ 31 mil.

Carlos Henrique disse que o projeto estava sendo estudado e planejado há cerca de um ano e que, durante reunião com Kátia Pinto, a secretária de Infraestrutura solicitou que ele fosse totalmente voltado para o servidor público.

A secretária informou que as inscrições no programa Morar Bem serão iniciadas nesta terça-feira (13), a partir das 8 horas, no site da PMM, o http://prefeiturademossoro.com.br/, e que o servidor vai precisar apenas do número da matrícula e do CPF. “Devemos lembrar que o programa é voltado para todo funcionário que não tenha um lar e que não esteja inserido no cadastro nacional do mutuário”, observou.

Maria Izabel Vale Cunha, diretora regional de Habitação da Caixa, assegurou que o banco vai agilizar a análise dos cadastros dos servidores e disse que a previsão é que os primeiros contratos já sejam assinados no próximo mês julho.

A diretora acrescentou que é muito gratificante para a Caixa poder contar com a parceria da Prefeitura de Mossoró e afirmou que o programa Morar Bem vai tornar o Minha Casa Minha Vida mais transparente para os servidores. “Todos vão saber que é possível realizar o sonho da casa própria, que é possível adquirir uma residência melhor e pagar menos com os subsídios”, destacou.

A solenidade de lançamento do programa foi realizada no Salão dos Grandes Atos do Palácio da Resistência e contou com a participação da prefeita Rosalba Ciarlini; vice-prefeita Nayara Gadelha; secretários municipais Kátia Pinto, Lahyre Rosado Neto, Karine Ferreira, Lorena Ciarlini, Aglair Abreu, Magali Delfino, Benjamin Bento, Anselmo Carvalho, Aldo Fernandes e Ronaldo Cruz; vereadores Izabel Montenegro (presidente da Câmara) e Ricardo de Dodoca; representantes da Caixa Econômica Federal Maria Izabel Vale Cunha, Elma Aparecida (gerente regional de Governo) e Julierme Torres (gerente geral em Mossoró); diretor da empresa responsável pela obra do residencial, Carlos Henrique; além de muitos funcionários municipais.

Fonte: Mossoró Hoje

O que achou disso?