30 abr 2020 às 2:55 pm

Tripulante com Covid-19 que estava isolado em navio é transferido para hospital, na PB

Petroleiro Stena Premium está saiu do Rio Grande do Norte e atracou no Porto de Cabedelo, onde está isolado — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco.

Um homem de 40 anos diagnosticado com Covid-19, que estava em um navio atracado em Cabedelo, foi transferido na noite desta quarta-feira (29) para um hospital particular de João Pessoa. De acordo com o secretário de saúde do município, Murilo Suassuna, a medida foi tomada após o paciente apresentar piora no quadro clínico, com mais de 39 graus de febre.

Ainda conforme o secretário, o homem é filipino. Ele e mais cinco outros tripulantes testaram positivo para a Covid-19 na noite da terça-feira (28), de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES). A divulgação dos resultados dos exames foi feita na manhã desta quarta-feira (29).

Outros 20 exames de pessoas que também estavam na embarcação obtiveram resultados negativos, conforme a Secretaria Municipal de Saúde de Cabedelo (Sescab).

Os outros cinco tripulantes com coronavírus devem ficar em quarentena dentro do navio. Segundo a SES, eles serão acompanhados pela Secretaria Municipal de Saúde de Cabedelo e pela Anvisa, seguindo o plano de contingência do Porto de Cabedelo.

Segundo informou a Companhia Docas da Paraíba (Docas-PB) nesta segunda-feira (27), o isolamento da tripulação se deu pelo fato de dois tripulantes apresentarem febre, um dos sintomas da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

A Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por meio da Sescab, informou que vem adotando todos os protocolos de segurança recomendados pela Anvisa para o isolamento dos tripulantes do petroleiro com suspeita de Covid-19.

Em nota publicada pela Docas-PB, o navio petroleiro Stena Premium, que tem bandeira das ilhas Bermudas, saiu da cidade de Guamaré, no Rio Grande do Norte e notificou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o quadro de febre dos tripulantes.

Segundo a companhia, enquanto aguardava liberação dos documentos por parte da Anvisa, o comandante do navio acompanhou o quadro de saúde dos tripulantes e enviou informações duas vezes ao dia para a Docas-PB, para a Anvisa, Polícia Federal e Capitania dos Portos da Paraíba (CPPB), além da secretaria de saúde de Cabedelo e da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

A embarcação foi autorizada a atracar na sexta-feira (24), após liberação dos documentos, mas o navio vai ficar isolado no berço 101 do porto e não tem autorização para realizar nenhuma operação. Conforme a assessoria de imprensa da SES, equipes de saúde subiram à bordo do navio para fazer testes com toda a tripulação.

Além do Stena Premium, outros dois navios estão atracados no Porto de Cabedelo, um para descarga de 29 mil toneladas de coque de petróleo e outro para descarga de 8 mil toneladas de trigo. As duas embarcações seguiram o protocolo de segurança e não apresentam riscos à saúde, estando com operações autorizadas, segundo a Companhia Docas da Paraíba.

Fonte: G1 PB 30/04/2020 05h51

O que achou disso?